Você se preocupa com sua família? Pense em fazer um testamento

Testamento é um documento em que a pessoa expõe sua vontade em relação ao destino de seus bens após sua morte.

Além disso, pode também expressar sua vontade em relação a outras questões, como por exemplo, um reconhecimento de um filho no testamento.

Embora ainda seja um tabu entre as famílias, certamente evita muitos problemas e brigas após a morte.

Além disso, é uma forma da pessoa privilegiar quem ela entende que merece pois muitas vezes, há pessoas em nossa vida que são mais presentes do que muitos parentes, que acabam ficando com o patrimônio, caso não indiquemos com quem deve ficar.

Atenção somente para o fato de que para quem tem herdeiros necessários (ascendentes, descendentes e cônjuge) só podem ser destinados 50% do valor do patrimônio.

Para fazer o testamento, há alguns requisitos:

– o testador tem que ter mais de 16 anos;

– Ser capaz;

– a legítima dos herdeiros, ou seja, 50% é reservada aos herdeiros necessários;

– o conteúdo do documento tem que ser lícito

O testamento pode ser feito por instrumento público (no cartório de notas)  ou particular.

Se a parte fizer testamento público, enquanto vivo o testador, somente ele ou um procurador por meio de procuração pública e poder específico poderá ter acesso à certidão ou informação do testamento, conforme previsto no  Código de Normas do Espírito Santo.

Na dúvida, procure um advogado de sua confiança para buscar orientação.

Gostou do artigo?

Envie para algum amigo que pode ter interesse nesta informação.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Abrir chat
1
Precisa de ajuda?
Olá!
Podemos te ajudar?